Como funciona o Sistema de Suspensão

0
5317

Assim como o corpo humano possui vários sistemas (como o respiratório, nervoso, etc…), o carro depende de vários sistemas também para se tornar fisicamente funcional em nosso dia a dia. Um deles é o sistema de suspensão. Além de importante para a segurança e a melhor dirigibilidade, ele conta com um grande acervo de diferentes modelos e funcionamentos.

Os principais componentes que fazem parte do sistema de suspensão são:

  • Amortecedores
  • Molas
  • Pneus

Mas afinal, por que é tão importante o sistema de suspensão?

Se não fosse por ele, não poderíamos dirigir nos mais derivados tipos de terrenos. Ou até mesmo em estradas pavimentadas que, como sabemos, são em sua grande parte esburacadas por estarem abandonas pelo governo. Ele trabalha diretamente com os amortecedores e as molas para controlar a altura do Pneu em relação ao solo na qual o carro trafega. Imagine você dirigindo um carro e perdendo o controle toda vez que encontrasse um terreno diferente ou alguma altura de nível diferenciado (como buracos) e perder o controle do carro. Essa seria a realidade se não tivéssemos o sistema de suspensão. Além disso, também proporciona melhor conforto para os passageiros, diminuindo as vibração ocasionadas pelas grandezas físicas quando o carro está em movimento.

Amortecedor

Quais são os tipos de suspensão?

Temos diversos tipos, mas os mais comuns são as suspensões fixas, pneumáticas (a ar) e roscas. Se você tem interesse em rebaixar seu carro, então veja aqui o que cada um é e suas diferenças para acertar na hora de escolher a nova suspensão:

Suspensão Fixa:

Esta suspensão foi criada para pessoas que geralmente possuem uma rotina com seu veículo, ou seja, sempre navegam nas mesmas rotas. Se você dirige em ambientes com poucos desníveis e buracos, esta suspensão já é suficiente. Caso queira trocar a altura dela, seria como trocar para uma suspensão nova, tendo que mexer em todas as peças, por isso existem modelos esportivos que acompanham outras molas caso queira fazer a troca da altura deste tipo de suspensão.

suspencao-fixa

Suspensão de Rosca:

Esta suspensão é regulável, sendo o ideal para quem trafega em diversos tipos de terrenos. Muito bom para quem viaja mas não chega a ser tão pratica. Com um macaquinho em seu carro, no máximo 5 minutos o motorista já consegue regular.

suspencao-rosca

Suspensão Penumática (a Ar):

Esta suspensão, diferente das outras, não possui molas, mas sim bolsas de ar. Geralmente acompanham controle remoto ou algum dispositivo para controlar a altura do carro em relação ao chão. É ideal para quem viaja ou pega muitos terrenos diferentes quanto utiliza o veículo. Sua praticidade é o que realmente se sobressai em relação aos outros.

sistema-suspencao

Mas então, quais destes tipos de suspensão se adequá mais ao seu dia a dia? Tem dúvidas ainda, deixe um comentário que nós respondemos!

SEM COMENTÁRIOS

DEIXE UMA RESPOSTA